A cidade de Guarulhos SP

Sediados na Zona Leste , próximo a Guarulhos, SP, atendemos clientes de todo o país

Guarulhos
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação
Saltar para a pesquisa
Município de Guarulhos
Vista da cidade.

Vista da cidade.
Bandeira de Guarulhos

Brasão de Guarulhos
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 8 de dezembro de 1560 (458 anos)
Emancipação 24 de março de 1880 (139 anos)
Gentílico guarulhense
Lema Vere paulistarvm sangvis mevs
"O meu sangue é genuinamente paulista"
Padroeiro(a) Nossa Senhora da Conceição
Prefeito(a) Gustavo Henric Costa (PSB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Guarulhos
Localização de Guarulhos em São Paulo
Guarulhos está localizado em: Brasil
Guarulhos
Localização de Guarulhos no Brasil
23° 27' 46" S 46° 31' 58" O
Unidade federativa São Paulo
Região intermediária

São Paulo IBGE/2017[1]
Região imediata

São Paulo IBGE/2017
Região metropolitana São Paulo
Municípios limítrofes Mairiporã, Nazaré Paulista (N), Santa Isabel (NE), Arujá, Itaquaquecetuba (L), São Paulo (S e O)
Distância até a capital 14 35 km[2]
Características geográficas
Área 318,014 km² (SP: 282º)[3]
População 1 365 899 hab. (SP: 2º) – estimativa IBGE/2018[4]
Densidade 4 295,09 hab./km²
Altitude 759 m
Clima tropical de altitude Cwa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,763 (SP: 145°) – alto PNUD/2010[5]
PIB R$ 53 974 918,69 mil (BR: 12º) – IBGE/2016[6]
PIB per capita R$ 40 367 54 IBGE/2016[6]

Fundação

Guarulhos Foi fundada, em 1560, o aldeamento dos índios guaramomis (ou maramomis), da tribo dos Guaianases, antigos habitantes da região, pelo padre jesuíta Manuel de Paiva, com a denominação de "Conceição de Guarulhos".[1] Teve sua origem como um elemento de defesa por se temer um ataque Tamoio ao povoado de São Paulo de Piratininga .

Dessa forma, por fazer divisa com a capital paulista, tendo, como limites, os rios Tietê a leste e Cabuçu ao norte, era um ponto estratégico. Na mesma época que se fundava Guarulhos, nascia, também, a vila São Miguel, com o mesmo propósito, vila esta conhecida hoje como Bairro São Miguel Paulista.

Seu crescimento econômico deu-se inicialmente em função da mineração de ouro.[2] As minas foram descobertas em 1590 por Afonso Sardinha, localizada na atual região do Bairro dos Lavras, cujas antigas denominações eram Serra de Jaguamimbaba, Mantiqueira e Lavras-Velhas-do-Geraldo.

Entre os séculos XVII e XVIII, notamos momentos de grande interesse por Guarulhos, haja vista a quantidade de número de ordens estabelecendo as sesmarias (responsáveis pela ocupação e assentamentos na época do Brasil Colônia) expedidas para a região.

Em 1590 foram descobertas minas de ouro, na região onde atualmente é o bairro de Lavras. As chamadas "Lavras Velhas do Geraldo" podem ser vistas, hoje, na margem direita da estrada que se dirige de Cumbica para Nazaré.

D. Pedro II visitou a região em 1880, a qual foi elevada à Província de Nossa Senhora da Conceição de Guarulhos. Apenas em 1906 uma Lei Estadual determinou que Guarulhos recebesse a denominação de cidade.

No Brasil Colônia, durante os séculos XVII e XVIII, foram delimitadas sesmarias organizando a ocupação da região. Os sesmeiros se dedicaram à agricultura e à mineração e, como atividade de apoio, criavam gado vacum e cavalar. Entre os anos seiscentos e o início do século XX, houve produção de álcool e aguardente, embora o clima úmido e frio fosse propício a causar ferrugem ao trigo, mosaico a cana e curuquerê ao algodão.

"Nos anos 50 a inauguração das rodovias Presidente Dutra e Fernão Dias aproxima pessoas e mercadorias da cidade. Guarulhos se viu unida a São Paulo, no momento histórico de aceleração industrial, e ao Rio de Janeiro, ainda então Capital Federal"

Guarulhos é um município da Região Metropolitana de São Paulo, no estado de São Paulo, no Brasil. É a segunda cidade mais populosa do estado, a 13ª mais populosa do Brasil e a 53ª mais populosa do continente americano, com 1 365 899 habitantes, conforme estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2018.

Guarulhos foi fundada em 8 de dezembro de 1560, pelo padre jesuíta Manuel de Paiva, com a denominação de Nossa Senhora da Conceição. Sua origem está ligada à de cinco outros povoamentos que tinham, como principal objetivo, defender o povoado de São Paulo de Piratininga contra um possível ataque dos Tamoios.

É a cidade não capital de estado mais populosa do Brasil e é considerada a 12ª cidade mais rica do Brasil. Em 2016, registrou um Produto Interno Bruto (PIB) na ordem de 53,9 bilhões de reais, o que representou mais de 1% de todo PIB brasileiro na época.[7]além de deter o 4º maior produto interno bruto (PIB) de seu estado e o 12º maior do país.[7]

História
Ver artigo principal: História de Guarulhos
Colonização e emancipação

Guarulhos foi fundada em 8 de dezembro de 1560, pelo padre jesuíta Manuel de Paiva, com a denominação de Nossa Senhora da Conceição. Sua origem está ligada à de cinco outros povoamentos que tinham, como principal objetivo, defender o povoado de São Paulo de Piratininga contra um possível ataque dos Tamoios.[carece de fontes]

Na mesma época de sua fundação, nascia também, com o mesmo propósito, a vila de São Miguel, hoje bairro de São Miguel Paulista. Por volta do ano 1600, havia, na região, atividades de mineração de ouro.[9]

Em 1880, Guarulhos se emancipou de São Paulo, com o nome de Nossa Senhora da Conceição dos Guarulhos. O nome atual só foi adotado após a promulgação da Lei nº 1 021, de 6 de novembro de 1906.[10]
Século XX

O início do século XX foi marcado pela chegada da ferrovia e da energia elétrica (Light & Power), pelos pedidos para instalação da rede telefônica, licenças para implantação de indústrias, de atividades comerciais e pelos serviços de transporte de passageiros.[carece de fontes]

A década de 1930 foi marcada pelos atos de Intervenção Federal, Constituição da Junta Governativa de Guarulhos e pelo Movimento Constitucionalista (reflexos da Revolução de 1930 - fim da República Velha).[carece de fontes]

Em 1940, foi inaugurada a Biblioteca Pública Municipal. Em 1941, o primeiro Centro de Saúde da cidade. Dez anos após, inaugurou-se a Santa Casa de Misericórdia de Guarulhos. Nessa década, chegaram, ao município, indústrias dos setores elétrico, metalúrgico, plástico, alimentício, além das de borracha, calçados, peças para automóveis, relógios e couros. Em 1945, a Base Aérea de São Paulo (BASP) foi transferida do Campo de Marte, em São Paulo, para o bairro de Cumbica.[carece de fontes]

Em 1958, foi constituída a associação de rotarianos da cidade. Em 1963, foi fundada a Associação Comercial e Industrial de Guarulhos, hoje, Associação Comercial e Empresarial de Guarulhos (ACE). Em 1985, foi inaugurado o aeroporto de Cumbica, hoje denominado "Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos Governador André Franco Montoro".[carece de fontes]

Guarulhos é um município da Região Metropolitana de São Paulo, no estado de São Paulo, no Brasil. É a segunda cidade mais populosa do estado, a 13ª mais populosa do Brasil e a 53ª mais populosa do continente americano. É a cidade não capital de estado mais populosa do Brasil, além de deter o 4º maior produto interno bruto (PIB) de seu estado e o 13º maior do país.

Segundo José de Alcântara Machado de Oliveira, o nome da cidade decorre da denominação dos indígenas que habitavam a região, os guaramomis ou maramomis, que eram um ramo dos guaianás. O nome do aldeamento indígena fundado em 1595 que deu origem à cidade era “Conceição dos Guarulhos”, em referência a Nossa Senhora da Conceição.[8]

Guarulhos foi fundada em 8 de dezembro de 1560, pelo padre jesuíta Manuel de Paiva, com a denominação de Nossa Senhora da Conceição. Sua origem está ligada à de cinco outros povoamentos que tinham, como principal objetivo, defender o povoado de São Paulo de Piratininga contra um possível ataque dos Tamoios.

 
 

Guarulhos SP